quarta-feira, 25 de janeiro de 2012

COISAS SIMPLES

.
.
«A minha irmã tira o elástico que prende o cabelo num rabo-de-cavalo e enfia-o no pulso, pelo menos a Pirata não se pode queixar de a carne estar insossa, diz a minha irmã a apanhar o cabelo, os gestos treinados, o elástico a sair do pulso para uma mão aberta no ar, duas voltas ao cabelo, a minha irmã nunca consegue apanhar os caracóis mais pequeninos, a fiada de caracóis rente à pele morena do pescoço, caracóis louros, até são bonitos mas a minha irmã detesta-os, cabelos de preta, os miúdos do bairro diziam-lhe isso para a irritarem, as pretas não têm cabelo louro, as raparigas levam tudo a sério, até parece que gostam de se ofender.»
.
.
Dulce Maria Cardoso,
O Retorno

Sem comentários: