segunda-feira, 16 de maio de 2011

CULTO AO DEGREDO

.
.
Y se te ocurrieron ideas muy extrañas:
Roger Wolfe



A piada está em andar dias seguidos
com a mesma roupa
e mudá-la pouco antes de cheirar mal.
Não se vá confundir com pouca higiene.
Ter no guarda-vestidos
nenhum, três pares de calças, meia
dúzia de camisas, umas t-shirts
(tudo manchado pelo tinto) dois
casacos e um par de sapatilhas rotas.
Se quiseres, um par de botas
ou sapatos: mas sempre esburacado.
Aliás, tudo deve estar devidamente
carcomido pelo tempo, como manda
o próprio. Se queres ser um bom
escritor, lembra-te: tens
que orgulhosa e militarmente
ostentar a tua miséria. Podes até dizer
que por razões inexplicáveis
te esqueces das meias e da roupa
interior. Não te ficará mal. Quanto
ao resto do poema, é simples: escreve-o
tu mesmo, mas sempre vestido.
.
.

Sem comentários: