terça-feira, 9 de março de 2010

UMA PRECIOSIDADE MAIS DO QUE VALIOSA


 .
 .
[repescado do esquecimento; das leituras deste espaço]
.

Sem comentários: