sexta-feira, 12 de fevereiro de 2010

O CIRCO CHEGOU

Não é novidade nenhuma, mas agora que tudo se adensou, que se perdeu toda a vergonha na cara, é tempo de dedicar uma música a todos os senhores da assembleia, aos seus fiéis serventes extra-parlamentares, à classe jornalística e ao grandioso Anímal Cavaco Silva, homem que tanto admiro. Ah!, e antes que me esqueça, à liberdade em geral; já que a minha, em particular, pouco deixa a desejar. E isto, no que diz respeito à minha pessoa, não é de todo um lamento.


 



«O circo chegou
Vamos todos até lá
Olha que o circo chegou
Não custa nada você ir até lá
O circo é alegria de viver
O circo é alegria que você precisa conhecer

Tem um macaco cientista
Um urubu que toca flauta e violão
Uma orquestra de sapo
A cabra ciclista
A girafa ceresteira
Tem um anão gigante
A mulher barbada
E o homem avestrús
Tem o homem foguete
Que entra em órbita a qualquer hora
E quando menos você espera (suspense)
O leão fugiu da jaula
Mas calma minha gente que o leão é sem dente
Calma minha gente que o leão é sem dente

O mágico que engole espada e come fogo
Vira elefante e sai voando
Vinda diretamente de Paris
Uma linda sex bailarina dançando ao som
Da escaldante banda do seu Tião brilhantina
E quando não esta roubando mulher aparece o palhaço tereré
Distribuindo Goiabada e requeijão e ingressos prá
Domingo que vem e anunciando a grande atração

A grande atração é uma grande vidente
Uma grande vidente que tudo sabe, que tudo vê
Que tudo sente

E agora com vocês a grande cartomante
A internacional Deise
A mulher do homem que come raio-laser

O circo chegou vamos todos até lá panacuca gungum
O palhaço o que é ladrão de mulher

O circo chegou vamos todos até lá panacuca gungum
O circo chegou panacuca gungum»

 

Sem comentários: